domingo, 22 de outubro de 2017

Alimentação: Mais Uma Sugestão de Leitura!

Hoje as Bibliotecas Escolares dão-te a conhecer mais uma história com alimentos e... um frade muito esperto!

Boas leituras!

O Caldo de Pedra

Era uma vez um frade finório que caminhava de aldeia em aldeia, 
e de casa em casa,
no seu peditório para conseguir comida p'ra ceia.
Bateu à porta de um lavrador, 
mas era gente muito agarrada 
que vivia à custa de muito labor
e não quiseram dar-lhe mesmo nada.
O frade, que sentia a fome apertar, apanhou uma pedra da calçada
e viu que estavam a olhar. 
Lavou-a muito bem lavada.
"Com esta pedra um caldo vou fazer."
Puseram-se a rir sem acreditar
"Faça lá o caldo que queremos ver!"
Era o que o frade queria escutar.

"Se me emprestarem uma panelinha..."
Deram-lhe a panela, água lhe deitou, 
meteu lá dentro a pedra que tinha, 
olhou para a gente e perguntou:
"Posso pôr a panela na lareira?"
E quando se pôs a chiar o frade comentou na brincadeira:
"Um pouco de unto vinha a calhar..."
Um bocado de unto lhe foram buscar.
O pessoal da casa estava pasmado.
O caldo ferveu e, depois de provar, o frade comentou:
"Está desconsolado. 
Precisa de sal para apurar, 
para melhorar o sabor da pedra."
Logo ali o sal foram buscar.
"Agora sim, vai ficar um primor."
"Com uns olhinhos de couve a boiar, 
e um naco de chouriço p'ra temperar... 
esta sopa irá consolar. 
Até um anjo que a venha provar!"
Depois de meter tudo na panela, 
deixou ferver bem 
e era um regalo o cheiro gostoso que saía dela. 
Pegou na colher e pôs-se a prová-lo!
Era um caldinho de apetecer!
Pegou no alforge e tirou o pão.
Pôs-se a comer e o beiço a lamber, 
até que se viu o fundo do panelão.

Só mesmo a pedra é que ele deixou.
"Senhor frade, então a pedra, não come?"


"A pedra vai comigo! 
Vai servir de novo para matar a fome!"

Muito esperto, não?

Texto adaptado de "Contos do Arco da Velha - O Caldo de Pedra"
Texto: Maria Teresa dos Santos Silva
Ilustrações:José Miguel Ribeiro

Sem comentários: