sexta-feira, 16 de setembro de 2022

quarta-feira, 8 de junho de 2022

Taleigas da Leitura

No âmbito da disciplina de Português, as turmas A e B do 12º ano participaram numa exposição na biblioteca de Escola Conde de Monsaraz intitulada Taleigas da Leitura.

Após a leitura das obras selecionadas, os alunos libertaram a sua imaginação e, aplicando técnicas diversas, decoraram as tradicionais taleigas com imagens temáticas.

Partilhamos aqui alguns exemplos:






Como sugestão de leitura, destacamos a obra 1984. 

Escrito pelo ensaísta e romancista britânico George Orwell e publicado em 1949, este livro discorre sobre um futuro distópico. 

Estamos em 1984. O mundo está dividido em três megablocos (Oceania, Eurásia e Lestásia), que estão em constantes guerras entre si. No poder está o Partido Interno comandado pelo Grande Irmão. Em todas as casas há um ecrã que transmite propaganda, que nos vigia, dá ordens e capta todos os movimentos. Fala-se Novílingua, mas fala-se pouco porque as palavras foram sendo eliminadas. É ao eliminar palavras que se limita o pensamento. 

Guerra é paz. 
Liberdade é escravidão. 
Ignorância é força. 

Curioso? 
Requisita o livro na tua biblioteca escolar!
                                                           
  
Se queres saber mais sobre George Orwell, clica no link abaixo indicado.

                                                      https://youtu.be/s6txpumkY5I


terça-feira, 7 de junho de 2022

Leituras na Planície 2022 - o grande vencedor do 6.º ano.

Parabéns, Guilherme Ceia! Que grande leitor! 

Continua assim, apaixonado pela leitura, ao longo de toda a tua vida!

O nosso aluno Guilherme Ceia, do 6.º ano, representou, hoje, o Agrupamento de Escolas de Reguengos de Monsaraz na final do concurso Leituras na Planície e foi o grande vencedor deste nível de ensino.

Para assistir à sessão pode clicar na próxima imagem. Para apreciar a leitura do Guilherme esteja atento ao minuto 31.



 Parabéns a todos os participantes e restantes vencedores!

segunda-feira, 6 de junho de 2022

E depois do 6º ano, que língua estrangeira escolher?

                                       

Maio foi o mês da língua francesa no Agrupamento de Escolas de Reguengos de Monsaraz!

Concursos, exposições, desfiles, música ...assim aconteceu!
As imagens referem-se aos chapéus vencedores ...mas todos ganharam! Especialmente quando temos alunos de espanhol a participar em atividades de francês, este é o espírito!

Aprender mais e melhor e participar nas atividades que a escola nos proporciona. Dizer NÃO há indiferença, querer fazer sempre mais e melhor construindo, assim, uma escola mais participativa e um futuro mais promissor!  Aprender línguas é hoje uma competência essencial, porque somos cada vez mais cidadãos do mundo...

Como é sempre difícil fazer a escolha da língua estrangeira, a professora Alice Machado (professora do 3º ciclo, Agrupamento de Escolas de Lamaçães - Escola Básica do 2º e 3º Ciclos de Lamaçães), no Correio do Minho, apresentou alguns argumentos a favor do francês:

"Nas relações sociais e de trabalho com estrangeiros, percebi que a língua inglesa me fazia muita falta por ser, de facto, uma língua “franca”, no sentido de que é língua de comunicação para qualquer estrangeiro, e que, por dominar a língua francesa, conseguia comunicar muito bem com quem falasse esta língua. Mas cedo concluí que, mesmo sem ter aprendido Espanhol ou Italiano, não tinha dificuldades em comunicar com gente dessas nacionalidades. (...)

Talvez agora o mais importante seja mesmo saber que “A aprendizagem de uma língua mais difícil torna-se mais fácil, rápida e eficiente se acontecer mais cedo.” e que “As crianças têm muito mais facilidade em aprender línguas do que os adultos.”

Nesta fase, talvez o melhor seja mesmo dizer: “O meu filho vai aprender Francês ou Espanhol porque é a língua que ele quer aprender! “

Deixemos que uma relação afetiva com a segunda língua estrangeira se estabeleça; ajudemos cada adolescente a perceber que quantas mais línguas aprender, mais facilidade terá em compreender as pessoas e o mundo. Será certamente mais feliz."

 Fonte: https://correiodominho.pt/cronicas/e-depois-do-6-ano-que-lingua-estrangeira-escolher/1608

Para além destes argumentos leia aqui sobre algumas razões para aprender francês:

  • A França oferece um bom clima, paisagens inigualáveis, cidades e cidades cheias de história e cultura, cozinha requintada (crepes, ratatouille, croissants ...), etc;

  • Aprender francês pode ajudá-lo na sua carreira profissional: indique no seu currículo que você fala francês e isso abrirá muitas portas! Se tem a sua própria empresa, falar francês pode facilitar trocas comerciais ou mesmo expandir seu negócio e levá-lo para outro país;

  • Como já mencionámos, o francês é uma língua muito difundida que tem cerca de 300 milhões de falantes em todo o mundo;

  • Aprender francês pode permitir ir trabalhar um dia para França ou noutros países que tenham esse idioma como língua oficial. Tal é o caso do Canadá, Suíça, Bélgica, Senegal... Conhecer o francês ajuda a viajar  com muito mais segurança em todos esses países;

  • Há um grande número de artistas (cantores, atores, escritores ...) de origem francófona: Celine Dion, Stromae, Charles Aznavour, Marion Cotillard, Vincent Cassel, Gérard Depardieu, Audrey Tatou, Camus, etc.

  • Aprender francês pode ser muito fácil para um português pois ambos os idiomas têm muitos traços em comum.

Adaptado de: https://www.superprof.pt/blog/espanha-franca-optar-por-qual-linguagem/

 

     

  

ATREVE-TE e junta-te a nós, vem aprender francês!

sexta-feira, 3 de junho de 2022

“ Proteger o Património” - Escolas associadas da UNESCO

As turmas do 10º ano do curso de Línguas e Humanidades da Escola Secundária Conde de Monsaraz, integraram o projeto:

 “ Proteger o Património” - Escolas associadas da UNESCO

Nesse âmbito e na disciplina de História A em interligação com Cidadania e em parceria com a Biblioteca Escolar, as turmas visitaram a vila medieval de Monsaraz. 

Nesta visita os alunos escolheram um monumento para estudarem mais pormenorizadamente, e pretendem agora partilhar as suas descobertas com  toda a a comunidade. 

Os trabalhos podem ser apreciados aqui, no blogue das bibliotecas escolares, no espaço UNESCO onde se encontram publicados.

O nosso trabalho desenvolveu-se tendo em conta os seguintes objetivos:  

 - Conhecer a UNESCO

-  Reconhecer o valor do património cultural, local e ambiental

-  Proteger o nosso património e promover a criatividade

 - Sensibilizar para o Desenvolvimento Sustentável

 - Educar para uma Cidadania Global

 - Adquirir conhecimentos através de novas metodologias de trabalho




Carregue nas imagens para visualizar os vídeos.






Visite o concelho de Reguengos de Monsaraz!

quinta-feira, 2 de junho de 2022

Promoção da Leitura, com Rodolfo Castro

No âmbito do Projeto +Sucesso integrado na medida 6 do Plano de Ação Estratégico do Agrupamento de Escolas de Reguengos de Monsaraz, a Escola Básica Augusto Papança do 1.º ciclo recebeu a visita do contador de histórias Rodolfo Castro.

Os alunos do 1.º ano tiveram o privilégio de ouvir um contador bastante reconhecido pelo entusiasmo, energia, prazer e alegria com que conta histórias.

Conduz-nos, através dos livros, para mundos imaginários, com a sua enorme vivacidade, eloquência, originalidade e dramaticidade.

Foram momentos de prazer partilhado por todos. 

Aqui ficam algumas recordações:

 




                      


Acompanhe aqui a sua página de facebook:

terça-feira, 31 de maio de 2022

O Beijo da Palavrinha - S. Marcos do Campo

No âmbito do projeto de leitura "Dá asas à leitura" a Professora Bibliotecária esteve na Escola de S. Marcos do Campo, com os alunos da turma da Professora Manuela Favita a dinamizar a leitura da história O Beijo da Palavrinha de Mia Couto.

Quando Maria Poeirinha adoeceu, o Tio Jaime Litorânio disse que só o mar, que ela nunca vira, a poderia curar. A menina estava demasiado fraca para a viagem, mas o irmão Zeca Zonzo encontrou o modo de a levar a conhecer o mar.

O poder mágico das palavras é o tema deste segundo livro para crianças de Mia Couto, mais uma vez com magníficas ilustrações de Danuta Wojciechowska.


Depois da leitura foram realizadas as seguintes atividades online. 
Clique nas seguintes imagens para resolver.

- Ordenar palavras em frases:


- Palavras cruzadas:


- Questões:


Finalmente os alunos realizaram alguns desenhos e escreveram frases sobre o mar:







Foi uma manhã muito agradável!