quinta-feira, 27 de outubro de 2016

João Lobo Antunes

O neurocirurgião João Lobo Antunes morreu hoje. Ficam os trabalhos científicos, as entrevistas, os livros...


   Nascido em 1944, em Lisboa, foi desde cedo influenciado pelo seu pai, também neurologista, o qual trabalhou com Egas Moniz. Licenciou-se em Medicina em 1968, na Universidade de Lisboa e, em seguida, partiu para os EUA onde trabalhou como Professor Associado no Departamento de Neurocirurgia da Universidade de Columbia, em Nova Iorque. Em 1983, de regresso a Portugal, doutorou-se em Medicina, foi Professor Catedrático de Neurocirurgia na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa e chefe do serviço de Neurocirurgia do Hospital de Santa Maria. Atualmente liderava a Comissão Nacional de Ética para as Ciências da Vida e o Conselho de Ética da Fundação Champalimaud.
   Considerado um "Príncipe da Medicina" e uma referência mundial em Neurocirurgia, publicou vários livros e artigos científicos. Recebeu o Prémio Pessoa em 1996 e o Prémio Nacional de Saúde em 2015. 


Sem comentários: